Eu publiquei um livro

Em fevereiro deste ano, num certo fim de semana qualquer, deitei na cama para dormir já tarde da noite, mas minha mente inquieta não calava a boca. Decidi levantar para escrever algo, passei a madrugada inteira escrevendo e depois publiquei o resultado aqui pelo Medium mesmo.

Pouco tempo depois, o Felipe Moreno me chamou, perguntando se eu não teria interesse em publicar o material como um livro. Aceitei e passamos para as etapas de edição e definições sobre o projeto. A partir daí, passei alguns meses no processo junto à equipe da editora, equipe esta formada pelo já mencionado Felipe e por Marília D. Jacques. Ambos me ajudaram na revisão de tudo. A ilustração da capa foi feita pelo Moreno, enquanto o projeto gráfico e a capa foram feitos pela Marília.

O livro foi lançado hoje. Você já pode comprá-lo, pelo link que leva ao site da editora, e eles entregam para todo o Brasil. Vou aproveitar os próximos parágrafos para contar um pouco mais sobre o processo e o projeto.

Vídeo de divulgação que fiz para o lançamento.

Do começo ao fim, esse processo todo foi absolutamente prazeroso.

Adorei cada etapa, das releituras e considerações, das propostas de capa e projeto gráfico, da ansiedade em receber finalmente os primeiros exemplares em mãos e ver pela primeira vez um texto meu publicado neste formato, algo que por tantos anos quis ver.

É irônico, portanto, que de tantos projetos que fiz propositalmente considerando a publicação como livros, tenha sido um texto que publiquei despretensiosamente o primeiro dos meus escritos a transicionar para este formato. Esta, inclusive, é uma ironia que ainda abordarei com mais profundidade em textos futuros.

Todas as fotos do livro presentes nesse post foram tiradas do site da Casatrês.

Por agora, fica a satisfação por ver isso pronto. O texto original era muito mais cru, afinal foi escrito em uma madrugada apenas e sem grandes ambições, e muito me agradou ver sua qualidade crescendo e o texto amadurecendo. Sempre considerei que ao ser publicado, provavelmente teria que fazer concessões que prejudicassem o texto final, mas o que aconteceu foi o contrário. O texto final é um aprimoramento daquele que originalmente tinha publicado por aqui, seja pela minuciosa revisão que não teria feito de outro jeito, seja pelas considerações do Felipe e da Marília que me ajudaram a resolver muitos probleminhas como frases confusas e trechos redundantes.

Além disso, o projeto gráfico é de uma beleza e uma coerência com a proposta que eu jamais teria sido capaz de construir, acostumado como estou em “editar” meus livros em folhas em branco, com fonte Times New Roman, 12, imprimir no modo econômico da impressora de casa e no máximo juntar as folhas num tosco formato apostilado.

Foi pelo Medium que conheci o Moreno, anos atrás, e foi por aqui que acompanhamos aos textos um do outro durante muito tempo. Acompanhei desde o princípio quando começaram a Editora Casatrês, adquirindo e lendo não só o primeiro livro do Moreno publicado nela, quanto também o livro da Marília publicado no mesmo momento. É de uma satisfação enorme publicar junto com quem confio, que respeita meu material, que me conhece bem e que eu sabia que esteve tão feliz em fazer isso quanto eu.

Terei muito a refletir sobre este processo e suas consequências nos meus textos futuros. Deixo também meus agradecimentos a todos que me leram, leem ou lerão por esta plataforma nestes seis anos em que neste site publico e nos prováveis anos futuros que virão, pois saber que existem leitores, independentemente de quando são poucos ou muitos, sempre me motivou a seguir escrevendo por aqui.

Além disso, é divertido pensar que quem me segue aqui teve acesso, durante um curto período, a uma “versão antecipada” do texto do meu livro. Quem sabe no futuro algo assim não aconteça de novo.

Por enquanto, fecho deixando outra vez o link de compra, para qualquer um interessado. Se por acaso você comprar e ler, conta para mim o que achou.

--

--

--

Termos e silêncios alternados.

Love podcasts or audiobooks? Learn on the go with our new app.

Get the Medium app

A button that says 'Download on the App Store', and if clicked it will lead you to the iOS App store
A button that says 'Get it on, Google Play', and if clicked it will lead you to the Google Play store
Rodrigo Goldacker

Rodrigo Goldacker

Termos e silêncios alternados.

More from Medium

Case Law for Causation (Criminal Law / Tort Law)

Announcing the 2022–23 O’Brien Fellows

“Children Of Eden” a novel written by Joey Graceffa.

Bicycle for Fun…and More!